Que escova de dente devo escolher?

Uma dúvida comum que a maioria das pessoas tem é sobre a escovação. Entre as perguntas frequentes está “qual escova de dente devo usar?”. Com uma grande quantidade de opções muitas vezes é difícil de escolher. Por isso, vamos te ajudar a entender qual o melhor modelo para você.  

Na hora de escolher a escova lembre-se que as características vão influenciar na limpeza da boca. É através da escovação que evitamos a placa bacteriana, cáries, tártaro, gengivite e outras complicações. Por isso, confira as dicas:

Tipos de escovas de dente

O que devemos priorizar na hora da escolha? Antes de mais nada é importante considerar qual escova vai atender melhor as necessidades do usuário. Veja alguns exemplos:

  • A escova manual é o tipo mais comum, esse modelo varia no tamanho, na qualidade e no formato.
  • Já a escova interdental apresenta tufos distribuídos em formato de cone para alcançar regiões inacessíveis. 
  • A escova infantil o material é diferenciado para não agredir os dentes de leite nem as gengivas. 
  • Já a escova unitufo o modelo é o mais indicado para quem usa aparelho dentário fixo. 
  • A escova a pilha acessório promove a limpeza dos dentes por meio de vibração.
  • Por último, a escova elétrica é recarregável e uma excelente aliada para quem tem dentes sensíveis.

Quantidade de cerdas e maciez da escova de dente

Parte importante na escolha da escova é a quantidade de cerdas e qual a maciez. Apenas em casos específicos são recomendadas escovas médias ou duras. O ideal é usar cerdas macias ou ultra macias já que elas realizam uma limpeza suave, não lesionam as gengivas, previnem a retração delas e não agridem o esmalte dentário.

Da mesma forma as escovas que realizam uma limpeza mais eficiente são aquelas com cerdas retas e do mesmo tamanho. Assim também é importante que a escova tenha uma boa quantidade de cerdas nos tufos. Quanto mais densa for, maior será a área escovada.

Quando devo trocar minha escova dental?

Frequentemente ficamos em duvida de quando devemos fazer a troca da escova de dente. Então troque sua escova de dente a cada três meses ou quando as cerdas estiverem desgastadas. Além disso, é preciso ter atenção aos cuidados para conservar e manter sua escova longe de bactérias.

Bem como as escovas devem ser substituídas depois de doenças como gripes, resfriados e infecções de garganta, para garantir que os microrganismos causadores do problema não fiquem alojados entre as cerdas.

Gostou das dicas? Então siga a Dental Arte nas redes sociais para saber mais. 

AGENDE AGORA MESMO A SUA AVALIAÇÃO

    Nome
    Telefone
    Unidade
    Tratamento
    Data Desejada
    Turno Desejado

    Ao clicar em "AGENDAR AVALIAÇÃO" eu concordo com os Termo de uso da política de privacidade da Dental Arte.

    Seus dados estão seguros conosco.